Brasil vai mal no Mundial de Atletismo

A segunda-feira não foi boa para dois brasileiros que participam do Mundial de Atletismo de Paris. Jadel Gregório foi o quinto colocado na prova de salto triplo e Hudson Santos de Souza não conseguiu classificação para a final dos 1.500 metros.Jadel Gregório pulou 17m11 e ficou bem atrás do sueco Christian Olsson, que saltou 17m72 e conquistou a medalha de ouro. O cubano Yoandri Betanzos atingiu a marca de 17m28 e levou a medalha de prata, enquanto que Leevan Sands, de Bahamas, fez 17m26 e ganhou o bronze. Com o tempo de 3:41.12, Hudson Santos de Souza terminou em sétimo em sua eliminatória e ficou de fora da final da prova de 1.500 metros. O melhor tempo foi do marroquino Hicham O. Guerruj (3:38.25).100 METROS - Os velocistas Maurice Greene e Ato Boldon - duas mais maiores estrelas do Mundial - ficaram de fora da final dos 100 metros. Três vezes campeão mundial da distância, Greene chegou em penúltimo na sua série, com o tempo de 10s37. Ele terminou a prova reclamando muito de uma contusão muscular. Boldon, por sua vez, terminou em sexto, ao fazer 10s22. O melhor tempo das eliminatórias, foi do britânico Dwain Chambers, que cravou 10s06. Bernard Williams (EUA) e Darrel Brown (Trinidad e Tobago) marcaram 10s11 e fecharam com o segundo tempo. SALTO - O sul-africano Jacques Freitag, de 21 anos, conquistou a medalha de ouro na prova de salto em altura, ao conseguir a marca de 2.35m. O sueco Stefan Holm ficou com a medalha de prata (2,32 m), e canadense Mark Boswell (2,32 m) foi bronze. No Feminino, a russa Svetlana Feofanova ganhou o ouro no salto com vara, ao saltar 4,75 metros. A alemã Annika Becker foi prata, com 4,70 metros e a russa Elena Isinbayeva ficou com a medalha de broze (4,65).

Agencia Estado,

25 de agosto de 2003 | 17h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.