Brasil vai ser sede do Mundial de Tiro

O Brasil vai sediar, em Americana (SP), de 28 de maio a 6 de junho de 2004, a Copa Mundial de Tiro ao Prato, último evento esportivo antes da Olimpíada de Atenas. Nesta terça-feira, o presidente da Confederação Brasileira de Tiro, Athos Pisoni, esteve reunido com o ministro do Esporte, Agnelo Queiróz, para detalhar a competição, uma das maiores a serem realizadas no próximo ano no Brasil.Segundo Pisoni, cerca de 152 países já foram convidados para participar da Copa, que terá a presença do atleta brasileiro Rodrigo Bastos, medalhista no Panamericano de Santo Domingo. A prova, conforme o presidente da confederação, vai reunir em torno de 600 competidores - grande parte também estarão na Grécia - e a organização custará em torno de US$ 2 milhões. Agnelo se comprometeu a ajudar no que for possível e deverá abrir a Copa que, segundo ele, será importante para desenvolver este tipo de esporte no Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.