Brasil vence a Venezuela na despedida

A seleção brasileira masculina de vôlei se despediu da torcida com vitória, neste domingo, em Betim (MG) - 8.000 pessoas foram ao ginásio Divino Braga. No último jogo da fase de classificação da Liga Mundial, o Brasil bateu a Venezuela por 3 sets a 1 (25/22, 15/25, 25/22 e 25/17).E a seleção viaja neste domingo mesmo para a Alemanha, onde fará os últimos treinos para a decisão da Liga Mundial, que começa na sexta-feira, em Belgrado, na Sérvia & Montenegro - Polônia, Cuba, Brasil e a própria Sérvia vão disputar o título.O técnico Bernardinho aproveitou o jogo contra a Venezuela para, mais uma vez, fazer observações e dar ritmo a alguns jogadores. Tanto que escalou o Brasil com duas mudanças em relação ao jogo de sábado, quando os venezuelanos não deram trabalho. Anderson entrou no lugar de André Nascimento e André Heller substituiu Rodrigão. No terceiro set, após perder o segundo e ter um bate-boca com Ricardinho, o técnico pôs em quadra o levantador Marcelinho. O venezuelano Carlos Luna foi o maior pontuador (17). Pelo Brasil, Giba foi o destaque, com 13."A Venezuela jogou melhor que na primeira partida e a presença do Gómez deu mais moral para eles. O importante foi mostrar que temos opções e podemos virar uma situação difícil. Enfrentamos um time que sacou e defendeu muito bem. Mas jogamos com alegria e disposição e, no geral, foi um bom teste", avaliou Bernardinho.O treinador acrescentou que foi importante encarar uma equipe de saque pesado, a mesma característica dos adversários que o Brasil terá na final.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.