Brasil vence Argentina e se garante no Mundial de Polo Aquático

Seleção superou a Argentina por 11 a 5 nesta sexta-feira

Estadao Conteudo

10 Fevereiro 2017 | 21h46

Passada a frustração de não conseguir a medalha nos Jogos Olímpicos do Rio, a seleção brasileira masculina de polo aquático está classificada para o Mundial de Esportes Aquáticos de Budapeste. Jogando em Port of Spain, capital de Trinidad & Tobago, nesta sexta-feira, os brasileiros venceram a Argentina por 11 a 5, carimbando o passaporte.

Sem recursos para repetir o pesado investimento feito na seleção masculina para a Olimpíada do Rio, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) perdeu o técnico croata Ratko Rudic. Apenas três jogadores que atuaram no Rio-2016 estão na renovada equipe que joga em Trinidad & Tobago.

Entre eles, o goleiro sérvio Slobodan Soro, naturalizado pensando no Rio-2016, e que fez questão de seguir com a seleção. Liderado por ele, o Brasil venceu a Argentina por 9 a 3 na abertura do quadrangular, ganhou dos donos da casa por 29 a 5 no segundo jogo e caiu por 8 a 4 diante do Canadá na última rodada, na quinta.

Ao vencer a Argentina nesta sexta, o Brasil se classificou à final e também ao Mundial. A outra vaga deve ficar com o Canadá, que enfrenta Trinidad & Tobago na outra semifinal - na fase de grupos, ganhou por 35 a 1. Os EUA já estão garantidos no Mundial. No feminino, só Brasil e Canadá se inscreveram, carimbando passaporte direto.

Mais conteúdo sobre:
polo aquático

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.