Brasil vence e tem 3o ouro seguido no basquete masculino em Pans

O Brasil manteve a superioridadeentre as Américas e conquistou neste domingo pela terceira vezseguida a medalha de ouro do basquete masculino nos JogosPan-Americanos, com uma vitória por 86 x 65 sobre Porto Rico. De quebra, o ala/armador Marcelinho é o único da equipe atornar-se tricampeão, já que esteve presente nas conquistas emWinnipeg-1999 e Santo Domingo-2003. Entretanto, sem a participação das equipes principais deEstados Unidos e da campeã olímpica Argentina no Pan, o Brasilagora precisará confirmar suas credenciais no Pré-Olímpico dasAméricas, entre 22 de agosto e 2 de setembro, em Las Vegas(EUA). O torneio classifica duas equipes diretamente para os Jogosde Pequim-2008. Os terceiro, quarto e quinto colocados nacompetição das Américas ainda terão uma outra chance, poispoderão disputar o Pré-Olímpico Mundial, no ano que vem, quedistribui mais três vagas. A última vez que a equipe masculina do Brasil disputou umaOlimpíada foi em Atlanta-1996, quando Oscar Schmidt aindajogava. Na partida contra os porto-riquenhos, o Brasil voltou aapresentar uma grande velocidade no início do jogo e em poucomais de dois minutos já tinha aberto 9 a 0, o que obrigou otécnico Manuel Cintron Vega a paralisar o jogo. A bronca não deu muito certo e, com os erros dosporto-riquenhos, o bom posicionamento de Murilo embaixo dacesta e três cestas de três pontos seguidas de Marcelinho, oBrasil fechou o primeiro quarto com 32 a 15. A equipe brasileira foi mais displicente no segundoperíodo, mas aproveitou as roubadas de bola de Marcelinho e osvários erros de arremessos de Porto Rico para ir ao vestiáriovencendo por 50 a 34. Porto Rico voltou melhor para o terceiro quarto e aindacontou com quatro erros seguidos de ataque do Brasil paradiminuir a vantagem para 52 x 40. Porém, as bolas de longe daseleção brasileira voltaram a cair e a equipe conseguiuadministrar a vantagem para fechar em 66 x 50. No último período, apesar da boa atuação do grandalhãoPeter Ramos, de 2m21, Porto Rico continuou sem conseguir seimpor. Em nenhum momento os adversários apresentaramdificuldade ao Brasil, que precisou apenas controlar o jogo nofinal para garantir a vitória sob os gritos de "Olé" e "Écampeão" da torcida, que praticamente lotou a Arena Multiuso eainda cantou o Hino Nacional antes mesmo de o jogo terminar. O Brasil conquistou outros dois títulos pan-americanos nobasquete masculino, em Cáli-1971 e Indianápolis-1987.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.