Brasileira comemora o quarto lugar

A brasileira Lucélia Peres, vice-campeã no ano passado, foi a única representante do País no pódio da prova feminina da São Silvestre. Desta vez, conformou-se e comemorou muito o quarto lugar na prova, disputada sob forte calor de 32 graus. Ao fim da corrida, de 15 quilômetros, a mineira de 23 anos teve de ser amparada pelos médicos, tamanho o desgaste pelo esforço físico. Ela cruzou a linha de chegada com o tempo de 52 minutos e 10 segundos e, na seqüência, não conseguia mais ficar em pé. Após breve atendimento, já recuperada, comentou sobre esta edição da São Silvestre, vencida por Olivera Jevtic, da Sérvia e Montenegro. ?O início da prova foi muito forte, teve ritmo suicida?, afirmou. ?Se agüentasse, ia terminar no lugar mais alto do pódio,? justificou. ?No quilômetro 12 (antes da subida da Brigadeiro Luiz Antônio), porém, eu já estava passando mal?, lamentou. ?Ia fazer o meu melhor, mas não deu esse ano. Vou continuar.? A campeã de 2002, a brasileira Marizete Rezende, após cumprir um ano de suspensão por doping, voltou bem e concluiu a prova na sexta posição.

Agencia Estado,

31 de dezembro de 2005 | 16h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.