Divulgação
Divulgação

Brasileira de 22 anos leva prata em Grand Prix de Judô

Nathalia Brígida fatura sua 3ª medalha em etapas do Grand Prix

Estadão Conteúdo

27 Março 2015 | 16h00

O Brasil encerrou o primeiro dia de disputas do Grand Prix de Judô de Samsun, na Turquia, com uma medalha de prata. Entre as mulheres, na categoria até 48kg, Sarah Menezes era uma das favoritas, mas quem subiu ao pódio e terminou com a segunda colocação foi a jovem Nathalia Brigida, de somente 22 anos.

Nathalia venceu quatro de suas cinco lutas para faturar sua terceira medalha em etapas do Grand Prix. Na estreia, bateu a francesa Laetitia Payet pelo número de punições. Depois, vitórias sobre a espanhola Julia Figueroa e a polonesa Ewa Konieczny por ippon. Na semifinal, a vítima foi a turca Dilara Lokmanhekim, derrotada por um wazari e um yuko.

Mas na decisão, não deu para Nathalia. Ela caiu diante da argentina Paula Pareto, atual vice-campeã mundial, em um combate bastante equilibrado. A brasileira até fez frente à adversária, mas levou um wazari e teve que se contentar com a prata.

Também na categoria até 48kg, Sarah Menezes perdeu a chance de subir ao pódio ao cair pelo número de punições na disputa do bronze justamente contra Dilara Lokmanhekim, derrotada na semifinal por Nathalia. Sarah já havia saído da disputa pelo ouro ao cair na segunda luta diante da romena Monica Ungureanu.

O Brasil ainda teve três judocas no tatame entre os homens, mas todos eles decepcionaram. O único que chegou a vencer uma luta foi Charles Chibana. Na categoria até 66kg, ele passou por Tarlan Karimov, do Azerbaijão, e Andraz Jereb, da Eslovênia, mas as derrotas seguidas para o português Sergiu Oleinic e o georgiano Tristan Peikrishvili o tiraram da disputa por medalha.

Também na categoria até 66kg, Gabriel Pinheiro caiu na estreia para o armênio Gor Harutyunyan. Mas a maior decepção ficou por conta de Felipe Kitadai. Cabeça de chave na categoria até 60kg, ele folgou na primeira rodada, mas acabou eliminado logo de cara pelo usbeque Diyorbek Urozboev com um ippon.

Neste sábado, o time brasileiro será representado por Veronice Chagas (-63kg), Maria Portela (-70kg), Igor Pereira (-73kg) e Victor Penalber (-81kg). A participação do País chega ao fim no domingo com Tiago Camilo (-90kg), Gustavo (-90kg), Gabriel Souza (-100kg), Rafael Silva (+100kg) e David Moura (+100kg) no tatame.

Mais conteúdo sobre:
Rio 2016 judô Grand Prix Nathalia Brigida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.