Brasileira fica em 8ª lugar no Mundial de Tiro com Arco

Depois de colocar atletas entre os 10 melhores nos Mundiais de Tiro ao Prato e de Triatlo, modalidades em que não tem muita tradição, o Brasil conquistou nesta quinta-feira dois resultados históricos no Tiro com Arco. O principal deles com Sarah Nikitin, oitava colocada no Mundial de Antalya (Turquia).

AE, Agência Estado

03 de outubro de 2013 | 15h13

Eliminada nas quartas de final, Sarah conquistou o melhor resultado brasileiro na história dos mundiais da modalidade. Vigésima melhor da fase de classificação (resultado que determina o chaveamento nos mata-matas), ela acabou derrotada nesta quinta-feira pela coreana Ok Hee You, medalhista de bronze no individual nos Jogos de Pequim/2008 e campeã de duas etapas da Copa do Mundo nesta temporada.

No masculino, outro resultado histórico. Marcus Vinicius Carvalho Lopes D?Almeida tem apenas 15 anos, mas chegou até a segunda fase de mata-matas. O garoto, porém, deu azar de enfrentar o campeão olímpico de Londres, o também sul-coreano Jim Hyek Oh, que o venceu por 7 a 1. Assim, Marcus terminou a competição empatado em 17.º.

O Brasil ainda teve Daniel Rezende Xavier e Marcos Bortoloto eliminados na primeira fase de mata-matas. No feminino, Marina Canetta e Ane Marcelle dos Santos também foram eliminadas nesta fase. Assim, terminaram todos na 57ª posição. Por equipes, o Brasil não avançou à fase de mata-matas, restrita aos 16 melhores da classificação.

Tudo o que sabemos sobre:
tiro com arcoMundial de Tiro com Arco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.