Brasileiro é vice-campeão mundial de menores nos 100m no atletismo

Enquanto centenas de brasileiros competem em Toronto em preparação ou buscando vaga nos Jogos Olímpicos do Rio, em Cali (Colômbia) estão alguns dos que já estão com a cabeça nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019, e na Olimpíada de Tóquio, no ano seguinte. E o Mundial de Menores de Atletismo começou muito bem para o Brasil, nesta quarta-feira.

Estadão Conteúdo

16 de julho de 2015 | 00h25

Derick Silva, que treina com Paulo Servo no Rio, ganhou a prata na abertura da competição. Ele foi segundo mais rápido dos 100m, com 10s49, apesar do vento contrário de 0,4 m/s. Paulo Camilo de Oliveira ficou em oitavo lugar, com 10s83. A vitória ficou com o japonês Abdul Hakin Sani Bronw (10s28), nove recorde do campeonato sub-17.

"Estou muito feliz com a medalha de prata e sei que posso melhorar ainda mais a marca, mas agora é hora de comemorar", comentou Derick, mais um velocista revelado na equipe do Brasil Foods, do Rio de Janeiro. Nesta temporada, ele já correu para 10s38.

Há dois anos, Vitor Hugo dos Santos também disputou final de Mundial de Menores, mas foi sexto colocado, com 10s53. Depois, ganhou a prata nos 200m. Neste ano, o garoto, também da equipe carioca, venceu o Troféu Brasil pela primeira vez, aos 19 anos, nos 100m.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoMundial de Menores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.