Mike Segar/Reuters
Mike Segar/Reuters

Brasileiro erra trajeto e é eliminado no esqui alpino nos Jogos de Inverno

Michel Macedo pega traçado errado logo na primeira descida e fica fora na prova do slalom gigante em Pyeongchang

Estadão Conteúdo

18 de fevereiro de 2018 | 09h38

O brasileiro Michel Macedo participou neste sábado da prova de esqui alpino, na modalidade slalom gigante, nos Jogos de Pyeongchang. Mas não teve um bom desempenho. Ele errou o trajeto e foi eliminado logo na primeira descida.

+ Único membro norte-coreano do COI deixa os Jogos de Inverno

A prova, basicamente, consiste em descer uma montanha íngreme e obedecer o trajeto delimitado por bandeiras vermelhas e azuis, os gates. São 53 deles no total. A velocidade pode chegar a 90km/h. O brasileiro teve um bom início de prova, mas errou no final e não pôde participar da segunda descida.

Dos 110 competidores, 85 completaram a primeira descida e seguiram na disputa por medalha. Com um percurso bastante técnico e com pouca neve, a primeira parte da prova foi marcada por muitos tombos. O sul-coreano Donghyn Jung chegou a bater nos fotógrafos do lado da pista. Ninguém se feriu.

"A pista está bem dura, a neve está dura, 100% gelo. Também está bem técnica, tem que saber os pontos difíceis. Onde errei, vi caras tops dando a mesma bobeada. Quando manda ver no meio, você acaba esquecendo as curvas difíceis", disse o brasileiro à TV Globo.

A medalha de ouro na modalidade foi para o austríaco Marcel Hirscher. Foi a segunda conquista do atleta no esqui alpino nesses Jogos Olímpicos. A outra veio no combinado alpino. No slalom gigante neste sábado ele terminou o percurso com o tempo de 2m18s04. A prata ficou com o norueguês Henrik Kristoffersen, com 2m19s31, e o francês Alexis Pinturault, com 2m19s35.

O brasileiro Michel Macedo ainda competirá nos Jogos de Pyeongchang. No dia 22, ele participará do esqui alpino, no slalom.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.