Brasileiro fica só atrás de francês

A Toyota melhorou seu desempenho e liderou o segundo treino livre para as 6 Horas de São Paulo, provando que vai brigar pela vitória na competição. A montadora japonesa - que viu os carros da Audi fazerem uma dobradinha na primeira sessão - marcou o tempo de 1min23s272, com o francês Nicolas Lapierre, e ficou em primeiro na LMP 1.

O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2012 | 10h11

O brasileiro Lucas Di Grassi voltou a ter um bom desempenho com o Audi R18 ultra, terminando na segunda colocação, 0s438 atrás do adversário.

O favorito à vitória na corrida de amanhã, o Audi R18 e-tron, terminou na terceira posição, 0s628 atrás do líder.

Na categoria LMP2, a equipe francesa Signatech Nissan colocou seus carros nas duas primeiras posições. A americana Starworks, com um HPD-Honda, melhor do primeiro treino, ficou em terceiro, a 0s4 dos rivais.

Entre os GTE Pro, a Aston Martin fez o melhor tempo, em 1min34s001, e ficou 0s4 à frente do Porsche da Felbermayr. A Ferrari, da equipe AF Corse, do piloto italiano Giancarlo Fisichella ficou na quarta e última posição da classe.

Mais brasileiros. Na categoria GTE Am, a Corvette da Larbre, que tem o brasileiro Fernando Rees entre os pilotos, foi a mais rápida. A Ferrari, de Enrique Bernoldi, Xandinho Negrão e Chico Longo, ficou em quarto.

Os carros voltam à pista hoje em Interlagos para o último treino livre, às 10 horas. A classificação final para a prova será realizada às 14 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.