Brasília formaliza candidatura para Universíade/2019

Derrotada nas eleições para receber a Universíade de 2017, Brasília quer receber a olimpíada universitária de 2019. No último fim de semana, os governos federal e do Distrito Federal foram até Bruxelas (Bélgica) para apresentar o dossiê da candidata à FISU (Federação Internacional Universitária).

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2013 | 18h25

"Brasília, como cidade candidata, agora conhece com detalhes o que leva uma candidatura a se tornar vitoriosa. O que era uma perspectiva no processo de candidatura para 2019, hoje é uma realidade", afirmou o secretário de Esporte do Distrito Federal, Julio Ribeiro.

A capital federal concorre com as cidades de Baku, no Azerbaijão, e Budapeste, na Hungria, para ser a sede da Universíade 2019. Em outubro o Brasil receberá a visita dos organizadores do evento para conhecer as instalações esportivas de Brasília e em novembro será realizada a eleição na FISU.

O Brasil recebeu a Universíade uma única vez, em 1963, quando a competição aconteceu em Porto Alegre. Nas duas últimas edições (bianuais), o País começou a ver a competição com outros olhos e levar atletas de alto rendimento.

Em Kazan (Rússia), em julho, a delegação brasileira conquistou 11 medalhas, sendo quatro de ouro, três de prata e quatro de bronze. O destaque foi o campeão campeão olímpico Arthur Zanetti, que se tornou bicampeão da Universíade nas argolas.

A próxima edição, em 2015, terá como sede a cidade de Gwangju, na Coreia do Sul. Dois anos depois, a Universíade será realizada em Taiwan. Brasília havia se candidatado a receber os jogos de 2017, mas perdeu por 13 votos a nove. Na ocasião, o governo federal só decidiu apoiar a candidatura na véspera da votação.

Desta vez, já em junho do ano passado o ministério do Esporte anunciou que o Brasil teria uma candidatura, faltando apenas escolher a cidade. No fim do ano passado, a UNB anunciou que receberia R$ 22,6 milhões do ministério para reformar o seu Centro Olímpico já visando a candidatura. Entre 27 de novembro e 4 de dezembro, a cidade recebe a Gymnasíade, a Olimpíada do Desporto Escolar.

Mais conteúdo sobre:
UniversíadeBrasília

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.