Bremen, de Diego, avança na Uefa

Time alemão confirma, com empate, classificação às quartas-de-final

, O Estadao de S.Paulo

19 de março de 2009 | 00h00

O Werder Bremen voltou a mostrar sua força ontem, ao empatar com o St-Étienne fora de casa por 2 a 2 e garantir a classificação às quartas-de-final da Copa Uefa - vencera o jogo de ida por 1 a 0, na Alemanha. Após eliminar o poderoso Milan na fase anterior, o resultado alcançado na França consolida a equipe alemã como candidata ao título da competição. O Bremen marcou no primeiro tempo, por meio de cabeçadas certeiras desferidas por Prödl e Pizarro, e o time francês igualou no segundo, com Benalouane e Grax.Também ontem, em Amsterdã, na Holanda, o Ajax devolveu no tempo normal o placar (2 a 1) pelo qual perdera o jogo de ida na França, mas sucumbiu ao Olympique de Marselha na prorrogação: 1 a 0 e vaga garantida para os franceses. Antes do jogo, a polícia holandesa prendeu 18 torcedores, tanto do Ajax como do Olympique, por porte de arma e atos violentos na região próxima ao estádio.CONFRONTOS DE HOJEArtilheiro da Copa Uefa com 11 gols, o atacante brasileiro Vágner Love, do CSKA Moscou, está a apenas quatro de alcançar o recorde do alemão Klinsmann, autor de 15 tentos numa mesma edição do torneio. Vágner Love estará em campo hoje, diante do Shakhtar Donetsk, na Ucrânia, com o intuito de confirmar a classificação de sua equipe. Na partida de ida, na capital russa, o CSKA venceu por 1 a 0, com gol do brasileiro, claro.Para Vágner Love, seu time deve atuar com inteligência na partida de hoje. "Com certeza, nos primeiros minutos eles vão fazer uma pressão, vão vir pra cima, e temos de estar preparados para isso. Se tivermos uma oportunidade de fazer o gol, teremos de ter tranquilidade e frieza para marcar", afirmou. No Shakhtar, o lateral-direito brasileiro Ilsinho deve ser um dos titulares. "O fato de saber que se está sendo observado por Zico (o brasileiro é o técnico do CSKA), mesmo com ele treinando o time rival, motiva qualquer jogador a tentar mostrar seu melhor futebol. Vivi essa situação no jogo de ida, quando fomos derrotados, mas espero que dessa vez a história seja diferente", disse o jogador. "Será um jogo complicado, já que não fizemos gols fora de casa, mas acreditamos na classificação", avalia, com cautela.Ainda hoje, o Manchester City, de Robinho e Elano, pega o Aalborg, na Dinamarca. Na ida, o time inglês fez 2 a 0. E mais: Metalist x Dynamo Kiev (0 a 1), Zenit x Udinese (0 a 2), Galatasaray x Hamburgo (1 a 1) e Braga x Paris St. Germain (0 a 0).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.