Benoit Tessier/Reuters
Benoit Tessier/Reuters

Froome é o 1º após etapa por equipes da Volta da França

Britânico manteve a liderança após sua equipe terminar em 2º

Estadão Conteúdo

12 de julho de 2015 | 15h16

O britânico Chris Froome manteve a camisa amarela da liderança da Volta da França após sua equipe, o Team Sky, terminar um segundo atrás da equipe BMC na prova contra relógio por equipes neste domingo. O tempo cravado pelo time de Froome não permitiu que o ciclista da BMC, o norte-americano Tejay van Garderen, tirasse a liderança do britânico.

"Nós não podemos estar muito desapontados", afirmou Froome. "Para o moral de todos teria sido fantástico vencer a etapa, mas o mais importante foi manter a camisa amarela e aumentar o tempo para a maioria de nossos rivais", completou o britânico.

Os 28 quilômetros percorridos da 9ª etapa do Tour, de Vannes até a cidade de Plumelec, permitiu a Froome ganhar mais alguns segundos sobre os principais opositores.

Alejandro Valverde e Nairo Quintana, da equipe Movistar, perderam três segundos na etapa, Alberto Contador, do time Tinkoff, mais 27, e Vincenzo Nibali, da equipe Astana, outros 34 segundos.

Froome sai de amarelo após o primeiro dia de descanso, com 12 segundos de vantagem sobre o americano Tejay Van Garderen, da BMC, na 10ª etapa, de Tarbes a La Pierre Saint Martin. Os outros ciclistas favoritos para vencerem em Paris têm uma distância razoável para recuperar em relação ao líder da competição.

Alberto Contador está a 1min03s, Alejandro Valverde a 1min50s, Nairo Quintana segue a 1min59s e Vincenzo Nibali a 2min22s.

Tudo o que sabemos sobre:
ciclismoVolta da França

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.