Bruno Fratus é bronze nos EUA com 5º melhor tempo do ano nos 50m livre

Nathan Adrian e Vladmir Morozov empataram na primeira colocação

Estadao Conteudo

04 de março de 2017 | 10h58

A prova mais rápida da temporada internacional de natação até aqui em 2017 teve empate no lugar mais alto do pódio. O norte-americano Nathan Adrian e o russo Vladmir Morozov bateram juntos na final em Indianápolis, sexta-feira à noite, seguidos pelo brasileiro Bruno Fratus, que havia sido o mais rápido das eliminatórias.

A disputa valeu pela primeira etapa do circuito norte-americano Pro Swim, que reúne algumas das estrelas da natação. Adrian, bronze nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, e Morozov fizeram o mesmo tempo: 22s09. Já Fratus encerrou a prova com 22s23, em terceiro lugar. Marcelo Chierighini foi o quinto, com 22s66.

Por enquanto, a liderança do ranking mundial é do britânico Benjamin Proud, que venceu o Meeting de Luxemburgo com 22s08 em janeiro. Além de Adrian e Morozov, também o japonês Shinri Shioura (22s10) aparece à frente de Fratus no ranking.

Exceto esse meeting em Luxemburgo e uma forte competição nacional no Japão, a temporada internacional teve apenas eventos regionais até aqui. O Pro Swim de Indianápolis é a abertura do ano para muitos nadadores americanos e também para os brasileiros radicados nos EUA.

Além de Chierighini e Fratus, também estão em Indianápolis João de Lucca e Matheus Santana, que nadaram a final B dos 50m livre, com os tempos de 22s94 e 23s14, respectivamente. Na quinta, João de Lucca havia sido bronze nos 100m livre. Ele também nadou a final C dos 200m livre, em 1min50s59. Foi o 12.º mais rápido da noite na prova.

Tudo o que sabemos sobre:
Nataçãonatação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.