Stacy Revere/AFP
Stacy Revere/AFP

Buccaneers e Chiefs disputam o Super Bowl; Tom Brady, o senhor Gisele Bündchen, está na 10ª final

Quarterback conduziu time de Tampa para a decisão da NFL; duelo será disputado no dia 7 de fevereiro e pela primeira vez na casa de um dos finalistas, o Tampa Bay

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de janeiro de 2021 | 08h44

O Super Bowl, a grande decisão do futebol americano, será disputado entre Tampa Bay Buccaneers e Kansas City Chiefs, no dia 7  de fevereiro. Será a 10ª final do astro Tom Brady, quarterback dos Bucs e marido da modelo brasileira Gisele Bündchen. Os finalistas foram conhecidos na noite deste domingo. O Tampa Bay Buccaneers derrotou o Green Bay Packers fora de casa, por 31 a 26, e conquistou o título da Conferência Nacional (NFC). Já o Kansas City Chiefs venceu o Buffalo Bills por 38 a 24 e faturou o título da Conferência Americana (AFC).

Os rivais vão colocar mais uma vez frente a frente dois de seus principais jogadores: Brady e Mahomes, ambos quarterbacks renomados da competição. Vale lembrar que as partidas finais nos Estados Unidos já têm público nos estádios, mesmo a despeito do número de pessoas contaminadas e mortas pela covid-19. 

Será a primeira vez na história que uma equipe disputará o Super Bowl em sua casa. A grande decisão será realizada no Raymond James Stadium, estádio dos Bucs. O local é selecionado anos antes pela NFL. Os Bucs chegam ao Super Bowl após 18 anos. Em 2020, o time contratou o astro Tom Brady, que havia deixado o New England Patriots. Aos 43 anos, o quarterback tem a missão de conduzir a equipe rumo ao segundo título de sua história.

Do outro lado, os Chiefs contam com Patrick Mahomes, de 26 anos, o mais jovem a disputar duas edições de Super Bowl seguidas. O time é o atual campeão e tentará o bicampeonato no dia 7 de fevereiro. Na edição passada, a decisão alcançou uma audiência dentro dos EUA de 102 milhões de pessoas. A ESPN mostrará a partida no Brasil.

Um dos momentos mais esperados do Super Bowl é o show do intervalo, não mais do que 15 minutos, quando o campo de jogo se transforma num palco para apresentações musicais históricas. Nesta edição, o escolhido foi o cantor canadense The Weeknd, de 30 anos. Jennifer Lopez e Shakira estiveram na temporada passada. Lady Gaga e Katy Perry, além dos Rolling Stones, já subiram nesse palco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.