Caceres deixa a Juventus em vantagem contra o Milan

Uruguaio, que estreava, faz os gols do time de Turim na vitória por 2 a 1 , em Milão; vaga na final pode vir até com derrota

MILÃO, O Estado de S.Paulo

09 de fevereiro de 2012 | 03h02

A volta de Caceres para a Juventus não poderia ter sido melhor. O zagueiro uruguaio marcou os dois gols da vitória por 2 a 1 sobre Milan, fora de casa, e colocou o time muito perto de garantir vaga na final da Copa da Itália. Na partida de volta, dia 21 de março, a Juve poderá até perder por 1 a 0 para se classificar. A outra semifinal será aberta hoje com o confronto entre Siena e Napoli.

Depois de um primeiro tempo truncado, com raras chances de gol, o jogo ficou mais movimentado na etapa final. Aos 8, Borriello bateu cruzado, Amelia espalmou e Caceres completou para a rede. O empate do Milan veio aos 17, com o El Shaarawy, que só teve o trabalho de empurrar para a rede depois de um passe açucarado de cabeça de Ambrosini.

Na sequência, os donos da casa tiveram um gol anulado de Ibrahimovic e, aos 38, a Juve retomou a vantagem. Caceres finalizou como se fosse Del Piero. O zagueiro aproveitou sobra na meia-lua da área e colocou a bola com consciência e precisão no ângulo. Um golaço.

Caceres foi contratado semana passada por empréstimo do Sevilla, da Espanha. É a segunda passagem do jogador pela Juve, onde ele atuou na temporada 2009/2010. Pelo empréstimo, os italianos pagarão 1,5 milhão (R$ 3,4 milhões). Se a Juventus terminar o Campeonato Italiano entre os seis primeiros colocados, há uma cláusula no contrato que obriga o clube a comprá-lo por 8 milhões (R$ 18,4 milhões).

Passada mais da metade da temporada, a Juve continua invicta - 22 jogos no Campeonato Italiano e quatro na Copa. O time não vence a Copa há 17 anos, a última conquista foi em 1995. Ainda assim, é maior campeão da competição, com nove troféus, ao lado da Roma.

Juve e Milan voltam a se enfrentar no dia 25, pelo Campeonato Italiano. A partida é decisiva porque a Velha Senhora lidera a competição com apenas um ponto a mais do que o Milan (45 a 44).

Campeonato. Catania e Roma jogaram por 30 minutos, ontem, e não mudaram o placar de 1 a 1 da partida válida pela 18ª rodada do Italiano, que teve seu início em 14 de janeiro, mas foi interrompida aos 21 minutos do segundo tempo devido às fortes chuvas que atingiram Catania.

A Roma mostrou postura bastante agressiva, buscando o gol a todo instante, enquanto os donos da casa preferiram os contragolpes. Foi assim que aos 41 minutos do segundo tempo (20 minutos do confronto de ontem) Cristian Llama arriscou de fora da área para boa defesa do goleiro holandês Stekelenburg. A Roma é a sexta colocada com 35 pontos e o Catania é o 15º, com 21.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.