Cafeína pode ser doping novamente

O uso de cafeína pode voltar a ser doping novamente no esporte mundial. A idéia foi levantada pela WADA (Agência Mundial Anti-doping) depois que o capitão da seleção de rugby da Austrália, George Gregan, revelou que vários jogadores do esporte usam pastilhas de cafeína antes de jogos importantes. Tirada da lista de substâncias proibidas há 18 meses, a cafeína pode melhorar o rendimento físico do atleta em 7%. O diretor geral da WADA, David Howman, constatou que o único laboratório que registrou aumento no uso de cafeína foi o da Austrália. ?Os dados mais preocupantes vieram de lá. Uma pessoa tem que consumir doze copos de café ou tomar pastilhas para ter efeito no corpo?, disse. A WADA pretende agora fazer uma investigação sobre o assunto. Se constatada a melhora do preparo físico com a cafeína, a substância será novamente proibida pela agência anti-doping.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.