Campeã olímpica em Sydney anuncia aposentadoria

Naoko Takahashi, ouro na maratona e ex-recordista mundial , diz que chegou aos 36 anos chegou ao seu limite

EFE,

28 de outubro de 2008 | 15h53

A atleta japonesa Naoko Takahashi, ouro na maratona em Sydney 2000, e ex-recordista mundial da prova, anunciou nesta terça-feira, sua aposentadoria, aos 36 anos. "Decidi deixar de competir. Cheguei ao limite das minhas forças físicas e mentais, mas estou muito satisfeita com minha carreira e não me arrependo de nada", disse Takahashi, primeira atleta japonesa a conquistar uma medalha de ouro olímpica. Um ano após a vitória em Sydney, Takahashi bateu o recorde mundial da maratona em Berlim, com uma marca de 2h19min46. O tempo é o oitavo melhor de toda a história da prova. Apesar disso, Takahashi ficou de fora da equipe japonesa nos Jogos de 2004, em Atenas, e Pequim, em 2008.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.