Fabrizio Bensch / Reuters
Fabrizio Bensch / Reuters

Campeã olímpica no Rio, saltadora espanhola anuncia aposentadoria

Ruth Beitia também foi prata e bronze em mundiais indoor

Estadão Conteúdo

18 Outubro 2017 | 09h38

Campeã olímpica do salto em altura nos Jogos do Rio-2016, a espanhola Ruth Beitia anunciou nesta quarta-feira sua aposentadoria. Aos 38 anos, ela se disse desgastada fisicamente após levar "seu corpo até o limite por muitas vezes".

Beitia anunciou sua retirada do esporte numa cerimônia nesta quarta, quando doou a medalha de ouro conquistada no ano passado a um museu de esporte na cidade de Santander, na Espanha.

Além da medalha de ouro, a espanhola obteve o quarto lugar na prova em duas edições das Olimpíadas, em Londres-2012 e em Pequim-2008. Em sua primeira participação nos Jogos, em Atenas-2004, ela foi apenas a 16ª colocada.

Em Mundiais, seu melhor resultado aconteceu em Moscou, em 2013, quando faturou a medalha de bronze. Beitia teve maior destaque nos Mundiais Indoor, com quatro medalhas, sendo duas de bronze e duas de prata. Nos Campeonatos Europeus, indoor e ao ar livre, foram quatro ouros.

O auge de sua carreira foi alcançado em 2016, com o título olímpico e a medalha e ouro também no Europeu. Neste ano, porém, não foi longe no salto em altura no Mundial de Londres, em agosto, e não se destacou na Diamond League.

Mais conteúdo sobre:
Atletismo Ruth Beitia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.