José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Campeão em 2014 e vice em 2016, etíope Dawit Admasu correrá a São Silvestre

Fundista tentará o bicampeonato na 93.ª edição da prova, marcada para às 8h20 do dia 31 de dezembro

Redação, Estadão Conteúdo

22 de dezembro de 2017 | 19h38

Campeão da Corrida Internacional de São Silvestre em 2014 e segundo colocado em 2016, o etíope Dawit Admasu teve a sua participação oficialmente confirmada na 93ª edição da tradicional prova de rua realizada em São Paulo, no próximo dia 31 de dezembro.

+ Campeão da Maratona de Paris tem presença confirmada na São Silvestre

A organização do evento anunciou nesta sexta-feira que o fundista encabeçará a relação de corredores da Etiópia desta São Silvestre, quando buscará o bicampeonato após ter vencido como uma grande surpresa há três anos. Na edição anterior da prova, ele só foi superado pelo seu compatriota Leul Aleme, que não estará presente nesta edição do evento para defender o título.

A Etiópia ainda contará com mais dois atletas na prova masculina e quatro participantes na feminina. Entre os homens, os outros representantes do país serão Demiso Gudeta, vice-campeão da Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro, e Belay Bezabeh, destaque na San Juan Porto Rico 10K Road Race deste ano.

Já entre as etíopes, destaque principal para a presença de Birhane Dibaba, campeã da Maratona de Tóquio neste ano. Ela sonha com uma vitória para se tornar apenas a terceira atleta do seu país a ganhar a prova feminina da São Silvestre em todos os tempos. As outras duas foram Derartu Tulu, que triunfou na capital paulista em 1994, e Yimer Wude Ayalew, tricampeã ao chegar em primeiro lugar em 2008, 2014 e 2015.

A largada da São Silvestre ocorrerá a partir das 8h20 do próximo dia 31, na Avenida Paulista, altura da rua Frei Caneca, e a chegada acontecerá em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero.

O percurso da São Silvestre deste ano sofreu algumas alterações para aumentar a área de dispersão dos atletas, sendo que um deles ocorreu na própria largada. O outro ajuste foi realizado no trecho do centro da cidade, na região do Largo do Arouche, onde saíram do percurso as ruas Sete de Abril e Dr. Bráulio Gomes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.