Ricardo Bufolin/Divulgação
Ricardo Bufolin/Divulgação

Campeão olímpico, Arthur Zanetti leva prata em Ostrava

Ginasta ficou decepcionado por não ter vencido nas argolas, mas em compensação conseguiu surpreendente prata no solo

AE, Agência Estado

24 de novembro de 2012 | 15h49

OSTRAVA - Campeão olímpico nas argolas, Arthur Zanetti foi batido na sua primeira grande competição internacional depois do ouro na ginástica artística em Londres. Neste sábado ele competiu na final do aparelho no Grand Prix de Ostrava, na República Checa, e não passou de uma medalha de prata. O brasileiro foi batido pelo grego Eleftherios Petrounias.

Na decisão, Zanetti melhorou em 0,025 a sua nota em relação à fase de classificação, conseguiu 15,850, mas não foi suficiente para vencer Petrounias, que nem sequer esteve nos Jogos de Londres. A consolação é que o brasileiro também ganhou uma surpreendente medalha de prata no solo, com nota 14,750.

"Fiquei em segundo no solo e gostei muito. Fiquei em segundo nas argolas também, mas não gostei", diz Arthur. "Fiz a minha parte, mas acabou não dando muito certo. Não ganhei e meu objetivo era ganhar. Eu queria o ouro", reclamou.

De Ostrava, Arthur segue para Stuttgart, Alemanha, onde vai disputar a última competição do ano, dia 3 de dezembro, com a seleção brasileira, por equipes. Francisco Barreto, Arthur Nory Mariano e Felipe Arakawa.

Tudo o que sabemos sobre:
ginástica olímpicaArthur Zanetti

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.