Candidatura de Paris aos Jogos de 2024 expressa luto por vítimas de ataques

Depois de Paris ser vítima de uma série de ataques terroristas que deixaram ao menos 120 mortos na última sexta-feira, o comitê de candidatura da cidade aos Jogos Olímpicos de 2024 divulgou um comunicado neste sábado para expressar o seu luto pelas vítimas e pelos familiares das mesmas neste momento em que a cidade amarga os piores atentados de sua história.

Estadão Conteúdo

14 de novembro de 2015 | 14h20

"Os valores fundadores e históricos de nosso país estão acima de toda essa dramática situação e serão a fonte de nossa determinação diante desta terrível tragédia", afirmou o comitê de candidatura de Paris, que depois ressaltou que compartilha da dor de todas as vítimas "destes espantosos e inesquecíveis ataques".

"Todos nossos pensamentos vão para as pessoas e suas famílias", ressaltou a nota do comitê, que vê os atentados em Paris serem indiretamente prejudiciais para a candidatura da capital francesa para a Olimpíada de 2024.

COI - O Comitê Olímpico Internacional, baseado em Lausanne, na Suíça, também afirmou que a bandeira olímpica de sua sede foi hasteada a meio mastro neste sábado, em sinal de respeito às vítimas dos ataques terroristas.

"Estamos unidos com todas as pessoas de todo o mundo. Nossos pensamentos estão naturalmente com as famílias e amigos daqueles que foram mortos e feridos", afirmou o COI, por meio de um comunicado.

EVENTOS SÃO CANCELADOS - E o comitê parisiense se manifestou no mesmo dia em que todos os principais eventos esportivos que estavam marcados para acontecer neste final de semana em Paris foram suspensos. Competições profissionais de futebol, rúgbi, de basquete e vôlei, assim como de outras modalidades, foram canceladas.

Tudo o que sabemos sobre:
Olimpíada de 2024Paristerrorismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.