Cariocas têm desafio em clássico e no Sul

Vasco e Fluminense, segundo e terceiro colocados do Brasileiro, entram em campo esta noite preocupados com o próprio resultado, mas também com o que ocorrerá com o rival. Vice-líder com 26 pontos, o Vasco vai ao Engenhão enfrentar o Botafogo; terceiro colocado com 25, o Flu tem desafio complicado contra o embalado Grêmio (quarto, com 21) no estádio Olímpico, em Porto Alegre. O líder Atlético-MG (28) joga amanhã, em casa, contra o Santos.

O Estado de S.Paulo

25 de julho de 2012 | 03h05

No clássico carioca, às 20h30, o Vasco, se vencer, vai assumir a liderança, ainda que provisoriamente. Por outro lado, o Botafogo (17 pontos) não quer se distanciar muito do G-4. O jogo será marcado pelo reencontro de dois craques. De um lado, Seedorf; do outro, Juninho Pernambucano. Em 1998, os dois estiveram em campo na final do Mundial Interclubes: Juninho pelo Vasco e Seedorf pelo Real Madrid, que venceu por 2 a 1.

O técnico Oswaldo de Oliveira tem conversado com os jogadores para que não se intimidem com a presença de Seedorf. "Não quero que fiquem na obrigação de jogar com ele, isso deve acontecer naturalmente", disse.

Ao lado de Seedorf, Andrezinho deve ganhar a vaga de Fellype Gabriel no meio.

O Vasco teve ontem um dia movimentado com a tentativa do Flamengo de levar o meia Felipe - o Rubro-negro ofereceu R$ 500 mil mensais de salário para o atleta. Mas o meia diz que fica em São Januário.

Para superar o Botafogo e assumir a liderança, o Vasco terá em campo mais uma vez o artilheiro do Brasileirão, Alecsandro, que já fez 7 gols na competição.

Em Porto Alegre, o Grêmio busca sua quarta vitória consecutiva no campeonato. O lateral-direito Edilson e o atacante Kleber voltam ao time do Grêmio depois de cumprirem suspensão, enquanto o zagueiro Werley retoma sua posição, recuperado de lesão.

O Fluminense terá a força de seu elenco colocada à prova esta noite - a partida começa às 21h50. Para manter a invencibilidade, a equipe terá de segurar um adversário muito forte em seus domínios e superar quatro desfalques importantes.

O principal deles, Deco. O veterano meia reclama de dores na coxa direita e foi vetado. O técnico Abel Braga também não conta com Jean e Carlinhos (suspensos) e Bruno (estiramento na coxa direita).

Para o lugar de Deco, Abel não deve fugir do óbvio, com Wagner tomando posição ao lado de Thiago Neves na armação. Na lateral-direita, entra Wallace; na esquerda, Thiago Carleto é o escolhido. A dúvida é quanto ao substituto de Jean. A disputa está entre Fábio Braga, filho de Abel, e o zagueiro Leandro Euzébio, que pode ser deslocado.

Em Florianópolis, o Figueirense estreia o técnico Hélio dos Anjos às 19h30, contra o Internacional. Loco Abreu volta ao time catarinense. Na equipe gaúcha, o técnico Fernandão deu bronca em D'Alessandro por suas seguidas expulsões, mas confirmou seu retorno ao time e o manteve como capitão.

No Recife, o Náutico recebe o Coritiba às 20h30 e a dúvida é o volante Martinez. O time paranaense terá os retornos do zagueiro Pereira e do lateral-esquerdo Lucas Mendes.

Vasco enfrenta Botafogo no Engenhão de olho na liderança, mas também preocupado com o Flu, que joga contra o Grêmio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.