Carlos sofre ruptura em ligamento do tornozelo e desfalca Atlético-MG por 3 meses

Após deixar treino carregado na última segunda-feira, o atacante Carlos, do Atlético-MG, realizou exames nesta terça-feira e teve diagnosticado trauma no tornozelo direito e ruptura de ligamento. O atleta deve desfalcar o time alvinegro por três meses.

Estadão Conteúdo

26 Janeiro 2016 | 20h12

"O Carlos teve um trauma com uma entrose importante no tornozelo direito. Ele teve uma ruptura ligamentar grave e passará por procedimento cirúrgico para que se recupere. Não trabalhamos com prazo, mas deve durar em torno de três meses", anunciou Rodrigo Lasmar, médico do clube.

Assim, Carlos é o terceiro atleta do Atlético-MG no departamento médico. O atacante Thiago Ribeiro, com estiramento na coxa esquerda, e o atacante Luan, com tendinite no joelho direito, também desfalcam o time para a estreia na temporada. Os dois, no entanto, devem retornar aos treinos na próxima semana.

O ano de 2016 do Atlético-MG tem início efetivo nesta quarta-feira, quando o time comandado pelo técnico Diego Aguirre encara o Flamengo no Mineirão, às 21h45, pela rodada de abertura da Copa Sul-Minas-Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.