Caso Kenteris: médicos terão de depor

Os médicos do Hospital de Acidentes de Atenas teriam recebidos ordens de um alto funcionário do governo para manter os velocistas Kostas Kenteris e Katerina Thanou internados em razão do suposto acidente de moto. A notícia foi dada nesta sexta-feira pelo jornal ateniense ?Ta Nea?. Fontes do hospital contaram ao diário que a chamada ocorreu 15 minutos antes que eles dessem entrada e que, quando eles chegaram, os médicos que os examinaram não encontraram sinais de contusões.A Promotoria de Atenas vai convocar os médicos para depor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.