Fernando Calzzani/Photopress
Fernando Calzzani/Photopress

Castroneves é vetado por médicos e não corre na Stock em Ribeirão Preto

Piloto tinha tudo para ser o centro das atenções, mas sofreu acidente no treino desta sexta

AE, Agência Estado

10 de agosto de 2013 | 17h01

RIBEIRÃO PRETO - Hélio Castroneves tinha tudo para ser o centro das atenções da etapa de Ribeirão Preto (SP) da Stock Car, uma vez que faria neste domingo a sua estreia na categoria, como convidado. Mas o piloto da Formula Indy está fora da prova. Por conta do acidente que sofreu nos treinos de sexta, os médicos optaram por vetarem sua participação.

"Infelizmente não poderei correr em casa, o que seria a realização de um sonho, mas fica para a próxima vez, quem sabe ainda neste ano e novamente na Corrida do Milhão em Interlagos. Como ainda sinto algumas dores musculares, preferi não ir para a pista só para fazer número e ter um ritmo lento que atrapalhe meus companheiros", disse Helinho, após ser examinado pelo médico da Stock, Dino Altmann.

O piloto, convidado da categoria para a corrida do fim de semana, atingiu o muro de proteção do circuito em alta velocidade em razão de uma falha no freio do seu carro. O choque assustou os socorristas, mas Castroneves saiu andando do carro. Por precaução, foi encaminhado ao hospital depois do acidente.

"Meu acidente foi o preço de ter sido o primeiro a andar no traçado. Como são muito usados, os freios aqueceram e quando senti o problema ainda tentei jogar o carro lateralmente no muro para diminuir o impacto frontal. Fiquei impressionado com a segurança dos Stock Car, pois eu mesmo nunca tinha sofrido uma batida desse jeito", explicou Helinho, que sofreu dois pequenos cortes nas canelas.

Tudo o que sabemos sobre:
Stock CarHelio Castronevesvelocidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.