CBF anuncia mudanças no 2.º turno

Entidade desmembra jogos até 28.ª rodada e confirma fim dos jogos das 18h30 e 21h no sábado

, O Estado de S.Paulo

16 de agosto de 2011 | 00h00

A CBF anunciou o desmembramento das oito primeiras rodadas do segundo turno do Campeonato Brasileiro, da 20ª à 28ª. É que, na tabela original, a entidade havia colocado todos os jogos do segundo turno da competição com os mesmos dias e horários. Agora, está fazendo esse remanejamento por etapas.

No dia 31, por exemplo, três paulistas estarão em campo - São Paulo, Palmeiras e Santos -, enquanto o Corinthians joga no dia seguinte, 1º de setembro, quinta-feira.

A boa notícia para o torcedor é que os jogos começam mais cedo no sábado, às 18 horas, ao contrário das 18h30 do primeiro turno, e as partidas das 21 horas não mais ocorrerão. Nas quintas-feiras, os duelos serão às 20h30, ao contrário das 21 horas do primeiro turno. Nos domingos, algumas partidas começarão às 18 horas e não mais às 18h30.

Santos e São Paulo são os times que mais jogos farão aos sábados à noite. O Corinthians não teve nenhuma das suas partidas alteradas para este dia nas oito primeiras rodadas do returno. O Santos jogará aos sábados à noite contra Cruzeiro, no dia 10 de setembro, Figueirense, no dia 24 de setembro, e contra Fluminense, no dia 1.º de outubro.

O São Paulo joga no dia 3 de setembro contra o Figueirense e no dia 17, contra o Ceará.

O Palmeiras fará uma única partida no sábado, no dia 1º de outubro, contra o América-MG.

Nas noites de quinta, o Corinthians entrará em campo no dia 1.º de setembro, contra o Grêmio, o São Paulo no dia 8, contra o Atlético-MG, o Palmeiras no dia 22 de setembro, contra o Ceará, e o Santos, no dia 5 de outubro, contra o Grêmio.

A partir da 29.ª na rodada, no dia 12 de outubro, a CBF ainda não anunciou o desmembramento, até porque, no fim de semana seguinte, no dia 16 de outubro, começa o horário de verão. E os jogos do domingo devem ser mudados para as 17 horas.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolCampeonato BrasileiroCBF

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.