Aniko Kovacs/EFE
Aniko Kovacs/EFE

César Cielo leva ouro e unifica títulos mundiais dos 50 metros livre

Brasileiro mostra novamente que é o melhor atualmente na prova mais curta da natação

Reuters

17 de dezembro de 2010 | 17h49

César Cielo conquistou nesta sexta-feira a medalha de ouro nos 50 metros livre do Mundial de Piscina Curta de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, e unificou os títulos mundiais da prova, já que é o atual campeão também em piscina longa. Cielo terminou a prova em 20s51, ficando à frente do francês Frederick Bousquet (20s81) e do norte-americano Josh Schneider (20s88).

Veja também:

especialPiauí: Rotina de 15 mil braçadas

linkCielo fatura ouro nos 50 m livre

linkRyan Lochte quebra mais um recorde

O brasileiro, que é ainda o campeão olímpico dos 50 metros (o título em Pequim foi a primeira e até agora única medalha de ouro do Brasil na história olímpica da natação), chorou ao ouvir o hino nacional no pódio, repetindo o que havia feito em outras conquistas importantes.

"É um alívio muito grande subir no lugar mais alto do pódio. Toda vez que temos chance de chegar a um Mundial e vencer é uma glória. Colocar o Brasil lá em cima, quando você pode concretizar isso, é a maior alegria", disse o nadador em comunicado.

A marca de 20s51 é o novo recorde do campeonato e também a melhor marca sul-americana da prova. O tempo é ainda o mais baixo da história da natação para a distância sem os trajes tecnológicos. Cielo ficou a apenas 21 centésimos de segundo do recorde mundial de Roland Schoeman (20s30), feito em 2008, na "era dos maiôs".

Foi a primeira medalha individual de Cielo e a segunda dele na competição disputada em Dubai. Na quarta-feira, ele ajudou o Brasil a conquistar a medalha de bronze no revezamento 4 x 100 metros livre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.