Cesar Cielo mantém indefinição sobre seu futuro

De volta ao Brasil, após unificar os títulos mundiais dos 50 e 100 metros livre, Cesar Cielo manteve o mistério e não divulgou onde treinará em 2011. O brasileiro, que negocia a renovação do seu contrato com o Flamengo, poderá permanecer em Auburn, nos Estados Unidos, ou retomar suas atividades no Brasil, no Rio de Janeiro.

AE, Agência Estado

22 de dezembro de 2010 | 17h25

Depois de disputar o Mundial de Dubai, Cielo ficará de férias até o dia 3 de janeiro, quando voltará aos treinos. Ele iniciará as atividades no Brasil e só definirá seu futuro depois do carnaval, no início de março. "Esporte é isso. Não pode deixar o tempo passar", diz ele.

Mesmo sem definir onde treinará, Cielo não escondeu a vontade de seguir no Brasil, perto da família, e no Flamengo. Para o nadador, a qualidade dos treinos no País ou lá fora está praticamente igual. "Precisa melhorar um pouco ainda em estrutura, mas já estamos com um bom volume de recursos humanos. Quem estiver treinando com o [Felipe] França, já está treinando com o melhor do mundo".

O bom desempenho da equipe brasileira de natação masculina no Mundial de piscina curta, em Dubai, foi exaltado por Cielo. "O [Felipe] França já tem o melhor tempo dos 100 metros peito. Apesar de não ter ganho, o melhor tempo é dele. O Nicholas Santos perdeu por centésimos", ressaltou o nadador. França ficou com a medalha de bronze.

Tudo o que sabemos sobre:
nataçãoCesar Cielo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.