Chelsea vacila e perde a chance de ficar na ponta

O Chelsea, do técnico Luiz Felipe Scolari, vacilou, só empatou por 1 a 1 com o West Ham, ontem, em Londres, e deixou escapar a oportunidade de voltar à ponta do Campeonato Inglês. Quem gostou do resultado foi a torcida do Liverpool, que no sabado só empatara com o Hull City (2 a 2), mas conseguiu se manter com a vantagem de um ponto na liderança: 38 a 37.E por pouco o Chelsea não sofreu a terceira derrota no campeonato. Os visitantes saíram na frente aos 33 minutos, com Bellamy concluindo cruzamento de Noble. O Chelsea só reagiu no segundo tempo, depois de Felipão promover a entrada do atacante Drogba: o atacante marfinense atraiu a atenção da zaga adversária, que deixou Anelka livre para marcar aos 6 minutos - foi o 14ºgol do atacante francês, que lidera a artilharia da competição.O time de Felipão dominou o segundo tempo e pressionou o adversário. O goleiro Green fezboas defesas e quando foi superado levou sorte: sua zaga chegou a salvar uma bola em cima da risca. O West Ham, porém, também teve uma grande chance para marcar, com Carlton Cole, e a desperdiçou. "Acho que ele pensou na comemoração do gol antes do chute", comentou o zagueiro Lucas Neill.O West Ham, que é dirigido pelo técnico italiano Emile Zola, festejou o ponto conquistado fora de casa, já que está na luta contra o rebaixamento, com 19 pontos. É a mesma pontuação do Newcastle, que, também ontem, bateu o Portsmouth, no campo adversário, por 3 a 0. Os gols foram marcados por Owen, Martins e Guthrie.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.