Chileno não deixa Riquelme 'comandar'

O chileno Enrique Osses demonstrou personalidade, mesmo numa Bombonera fervendo. Não deixou Riquelme comandar o jogo, como pretendia. Mostrou cartões apenas para não perder o controle e não estragou uma grande final.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.