Chinesas

A etapa de Roma da Golden League de Atletismo contará com várias atrações que vão disputar a Olimpíada de Pequim, como o panamenho Irving Saladino, campeão mundial do salto em distância, o cubano Dayron Robles, atual recordista mundial dos 110 metros com barreiras, e a recordista mundial do salto com vara, Yelena Isinbayeva. A competição também terá a presença do sul-africano Oscar Pistorius, que compete com próteses nas pernas e ainda tenta conseguir índice nos 400 metros para disputar os Jogos. O jamaicano Asafa Powell, que também participará da Golden League a partir de amanhã, diz que não está chateado por ter perdido recentemente o recorde mundial dos 100 metros para o compatriota Usain Bolt e, com isso, o favoritismo para a medalha de ouro nos Jogos de Pequim. "Eu acho que é sempre melhor não ter muita pressão sobre as costas." O presidente de Israel, Shimon Perez, vai dormir em um hotel dentro da Vila Olímpica para poder acompanhar a cerimônia de abertura dos Jogos. A medida foi tomada para que ele pudesse prestigiar a delegação de seu país no evento sem desrespeitar o shabat, dia do descanso semanal que vai do pôr-do-sol de sexta-feira ao pôr-do-sol de sábado. Entre as atividades proibidas aos judeus que respeitam a tradição está fazer viagens de carro. Metrô e ônibus de graça é a promessa do governo chinês para os torcedores que se deslocarem em Pequim para acompanhar eventos da Olimpíada. No entanto, para ter direito ao benefício é necessário portar os ingressos, informou a agência estatal de notícias da China, Xinhua. A expectativa do governo chinês é que, durante os Jogos, 2,5 milhões de visitantes na capital chinesa usarão as redes de transporte público que farão 21,1 milhões de viagens, das quais, 15 milhões de ônibus. A única atleta do Afeganistão classificada para disputar a Olimpíada sumiu. A corredora dos 800 e 1.500 metros Mehboba Ahndyar, de 19 anos, estava participando de um treinamento promovido pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) na cidade italiana de Formia, e desapareceu junto com seus documentos e pertences. Ainda não foram confirmadas as informações de que ela pediu asilo político na Noruega, mas a porta-voz do COI, Emmanuelle Moreau, não descarta a possibilidade. "O COI aceita que atletas, algumas vezes, tenham de fazer escolhas difíceis para melhorar suas vidas. Parece que foi o que aconteceu neste caso." O governo afegão nega o sumiço e diz que a atleta está em tratamento de uma contusão na perna. O ciclista Rubens Donizete Valeriano, o Rubinho, está perto de conquistar a única vaga brasileira do mountain bike. O atleta, disputa no domingo a última classificatória: o Campeonato Brasileiro de Mountain Bike, em São Bento do Sul, em Santa Catarina. O técnico Bernardinho deve contar com Giba e Rodrigão nos dois jogos que a seleção brasileira masculina de vôlei fará em Belo Horizonte contra a França, pela Liga Mundial, amanhã e domingo.

O Estadao de S.Paulo

11 de julho de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.