Chinesas

Cuba e Estados Unidos fazem, hoje à noite (23h30, horário de Brasília), a mais esperada partida do torneio de beisebol dos Jogos, pela semifinal. Tanto pela rivalidade esportiva, quanto pela ideológica, os países costumam travar batalhas épicas no "diamante" - como é chamado o campo. Desta vez, a disputa chega ao nível pessoal: no jogo entre as seleções, válido pela primeira fase, o arremessador Pedro Luis Lazo foi acusado pelos atletas americanos de atirar uma bola com a intenção de agredir o rebatedor Jayson Nix - que acabou com um corte perto do olho. O lance desencadeou uma grande confusão. Ao final, os cubanos venceram por 5 a 4.Uma cena curiosa foi flagrada pelos fotógrafos da partida entre Lituânia e China, válida pelas quartas-de-final da competição de basquete. Consta que o técnico da Lituânia pediu ao pivô Ramunas Siskauskas para dar "atenção especial" ao superastro chinês Yao Ming, principal jogador da equipe anfitriã. Aparentemente, o jogador lituano levou a incumbência bastante a sério. E deu certo: a vitória da Lituânia por 94 a 68 eliminou os chineses da competição. Os vencedores enfrentam a Espanha pela semifinal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.