Ciclismo já procura substituir Armstrong

Um dia depois da sétima vitória na Volta da França e do encerramento da carreira, o mundo do ciclismo se pergunta sobre quem será o sucessor do norte-americano Lance Armstrong. "Talvez Ivan (Basso, italiano) seja o futuro da prova. Ou mesmo Jan (Ullrich, alemão). Vocês devem decidir quem estará aqui no ano que vem", disse Armstrong aos adversários, respectivamente, segundo e terceiro colocados da competição francesa deste ano. Mas outros atletas também se candidatam à posição de novo ídolo do ciclismo mundial, como Alexandre Vinokurov, do Casaquistão, que este ano ganhou a última etapa da Volta: "Nos dois próximos anos, espero subir ao alto do pódio da Volta", anunciou. Basso, no entanto, resume a situação atual: "É difícil, muito difícil ganhar a prova sem tê-la disputado antes e ter chegado próximo do pódio".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.