Ciclista alemão é suspenso por 8 anos por doping

O ciclista alemão Patrik Sinkewitz foi suspenso por oito anos nesta segunda-feira, por reincidir em caso de doping. A punição foi imposta pela Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês), que confirmou decisão anterior de um tribunal alemão.

AE, Agência Estado

24 de fevereiro de 2014 | 16h01

Sinkewitz se tornou o primeiro ciclista a testar positivo para o hormônio de crescimento humano (GH), ainda em fevereiro de 2011. Em sua defesa, o atleta questionou a confiabilidade do exame, sem sucesso no tribunal nacional.

A decisão local foi confirmada nesta segunda por um painel composto por três integrantes alemães, compatriotas de Sinkewitz. De acordo com a CAS, a agência antidoping alemã "claramente estabeleceu que havia presença de GH na amostra de sangue do atleta", conforme nota publicada pela Corte.

Foi o segundo caso de doping na trajetória do ciclista. Em 2007, ele foi flagrado em exame realizado fora de competições. Na ocasião, sua amostra continha testosterona, o que lhe rendeu uma suspensão de um ano, a metade de uma punição usual porque colaborou com as autoridades em outras investigações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.