Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Ciclista do Cazaquistão é pego no antidoping na Volta da França

O ciclista do Cazaquistão Dmitri Fofonov, da equipe Crédit Agricole, é o quarto atleta a ser pego no exame antidoping na Volta da França deste ano, confirmou a Agência Francesa de Luta contra o Doping (AFLD). No exame foi detectada a presença elevada de heptaminol - um estimulante cardíaco - na 18.ª etapa da Volta, disputada entre Bourg-d'Oisans e Saint-Étienne.    O caso foi conhecido poucos minutos depois do final da 21.ª e última etapa da competição, com chegada na avenida Champs-Elysées, em Paris.   Fofonov afirmou aos dirigentes de sua equipe que comprou pela internet um produto para cãibras, o que pode ter causado o positivo.   O ciclista, de 31 anos, acabou em 19.º lugar na classificação geral da Volta, a 28min31s do líder. Na última etapa, ficou em 64.º, a 14 segundos do ganhador, o belga Gert Steegmans.   O ciclista, que reside em Clermont-Ferrand, corre sob licença francesa. Assim, a federação é que determinará as punições a serem tomadas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.