Ciclista dominicano morre atropelado por caminhão

Leonardo Grullón, um dos integrantes da seleção de ciclismo da República Dominicana, morreu nesta quinta-feira após ser atropelado por um caminhão enquanto treinava com outros quatro companheiros na comunidade de Jarabacoa, a 154 quilômetros de Santo Domingo.

AE-AP, Agência Estado

22 de abril de 2010 | 15h43

Segundo a Federação Dominicana de Ciclismo, o motorista do caminhão, que ainda não teve a identidade revelada, pegou no sono enquanto conduzia o automóvel e acabou perdendo o controle da direção, atropelando o ciclista de 24 anos durante o treinamento.

Grullón, que em fevereiro havia vencido a terceira etapa da Volta Independência, uma competição internacional organizada anualmente em território dominicano, treinava para participar do Campeonato Panamericano de Ciclismo, no México, no dia 30 de abril.

Além Grullón, outros três ciclistas ficaram feridos no acidente desta quinta-feira. Juan Carlos Polanco está em estado grave por conta de uma pancada na cabeça, enquanto Jorge Pérez e Euris Vidal não sofreram ferimentos tão sérios mas também estão hospitalizados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.