Ciclista italiana tem suspensão por doping reduzida

A ciclista italiana Marta Bastianelli, campeã mundial da prova de estrada em 2007, recebeu suspensão de um ano pelo uso de estimulantes em julho, quando levou a medalha de prata no Campeonato Europeu sub-23. A pena, no entanto, é inferior a que havia sido imposta inicialmente. Excluída preventivamente dos Jogos de Pequim, a ciclista de 21 anos havia sido flagrada pelo uso de fenfluramina, estimulante encontrado em medicamentos redutores de apetite. Bastianelli admitiu que desejava perder dois quilos para a Olimpíada, mas assegurou que não sabia da presença da substância proibida nos remédios que ingeriu.A italiana disse que a medicação, um composto de ervas naturais, foi preparada por seu farmacêutico. O Comitê Olímpico Italiano (Coni) aceitou a justificativa e reduziu a punição, inicialmente de dois anos. A suspensão da atleta vai até agosto de 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.