LIonel Bonaventura/AFP
LIonel Bonaventura/AFP

Ciclistas desvendam montanhas e o mar das terras do sutão de Omã

Tour de Omã terá seis etapas pelo paradisíaco e convidativo país árabe repleto de belezas naturais e mesquitas de encantar os olhos

O Estado de S. Paulo

19 de fevereiro de 2015 | 12h10

Num momento, o azul do Golfo, em outro, o vermelhidão das montanhas. Entre uma pedalada e outra, mesquitas de deixar qualquer um de olhos bem abertos tamanha suas belezas. O ciclismo mundial vai muito além às tradicionais provas, como a Volta da Andalúcia, na Espanha, ou mesmo os badalados Tour de France ou Volta da Itália. A prova disso são 18 equipes das mais fortes da modalidade desafiando os encantos de Omã em seis disputadíssimas etapas.

Paraíso pouco explorado, mas cada vez mais ganhando o turismo mundial, Omã, no mundo árabe, vê nesta semana ciclistas desbravando suas estradas e suas belezas. Com ordem do Sutão para que o país seja acolhedor e realize uma grande prova, abrindo espaço para outros eventos, seu povo está fazendo grande festa.

A ordem é apresentar tudo de melhor que tem nas províncias de Mascate, Zufar e Batinah, por exmeplo, cercadas de belas paisagens e um azul de mar convidativo para um bom mergulho. Mas enquanto o lazer não é possível para a turma do pedal, a competição é grande para se cruzar a linha de chegada em primeiro.

Nesta quinta-feira, pela terceira etapa, o mais rápido nos 158,5 quilômetros com saída e chegada em Al Mussanah, o norueguês Alexander Kristoff, da Katusha) foi o mais rápido. Mas a competição ainda é liderada pelo suíço Fabian Cancellara, da Trek, seguido pelo espanhol Alejandro Valverde, da Movistar, o número um do ciclismo mundial.

 Nesta sexta-feira, o desafio dos ciclistas sera pela Montaña Verde, região que exigirá bastante dos competidores.

  

Tudo o que sabemos sobre:
CiclismoTour de Omã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.