Cidade ajuda Rio a repetir sucesso

Após conseguirem diminuir em R$ 4,5 bilhões o orçamento de construção das arenas dos Jogos e entregá-las um ano antes da abertura do evento, o governo britânico diz que a intenção é dividir a experiência com o Brasil para a Olimpíada no Rio em 2016. Acordos bilaterais entre os países-sede foram fechados recentemente. "É um grande exercício logístico e achamos que compartilhar nosso conhecimento com o Brasil é uma boa maneira de estreitar relações", disse Andrew Mitchell, diretor do ministério de Relações Exteriores para os Jogos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.