Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Cielo ajuda o Flamengo a vencer o revezamento 4x100m livre no Troféu José Finkel

Último a cair na água, ele levou o Flamengo à conquista e ao recorde da competição com 3min10s52

AE, Agência Estado

24 de agosto de 2012 | 20h48

SÃO PAULO - Na noite desta sexta-feira, no clube Sesi, em São Paulo, Cesar Cielo ajudou o Flamengo a bater o recorde do Troféu José Finkel, campeonato brasileiro de inverno, no revezamento 4x100m livre. Último a cair na piscina, ele levou a equipe rubro-negra à marca de 3min10s52, igualando o tempo feito pelo Pinheiros nesta mesma competição de piscina curta em 2010. No feminino desta prova, vitória do Minas Tênis Clube.

Antes do revezamento, o incansável Cesar Cielo se garantiu na final dos 50 metros borboleta, com o segundo melhor tempo das semifinais: 23s29. Só ficou atrás de Nicholas Santos, com 23s07. A final será disputada neste sábado.

Medalha de prata em Londres/2012, Thiago Pereira não decepcionou nesta sexta e venceu os 200 metros medley, sua prova favorita. Com o tempo de 1min52s30, ele bateu o recorde sul-americano da prova e ainda faturou o índice para o Mundial de Istambul.

"Foi o melhor tempo da minha vida. Consegui o recorde sul-americano e me senti muito bem na piscina", afirmou o nadador, em entrevista ao SporTV. Henrique Rodrigues levou a prata, com 1min54s82, também com índice para o Mundial, seguido de André Schultz, com 1min55s96.

Mais cedo, Felipe França confirmou o favoritismo nos 50 metros peito, prova na qual é campeão mundial, e venceu com o tempo de 26s52. "Mantive o ritmo até o fim. Graças a Deus, deu tudo certo", comentou o nadador, que já havia conquistado o índice para o Mundial de Istambul. João Gomes Júnior ficou com a prata (26s78) e Felipe Lima levou o bronze (26s89).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.