Fabio Motta/AE
Fabio Motta/AE

Cielo vence 4 x 100m medley e termina com cinco ouros no Troféu Maria Lenk

Equipe do Flamengo faz 3min37s69, vantagem de apenas um centésimo para quarteto do Pinheiros

AE, Agência Estado

08 de maio de 2011 | 14h06

RIO - Principal nome da natação brasileira, Cesar Cielo encerrou a sua participação no Troféu Maria Lenk, realizado no Rio de Janeiro, no Parque Aquático Júlio de Lamare, com cinco medalhas de ouro. A última delas foi conquistada no revezamento 4 x 100 metros medley masculino, vencido pelo revezamento do Flamengo, neste domingo, com o tempo de 3min37s69, com vantagem de apenas um centésimo para o quarteto do Pinheiros.

Além de Cielo, que nadou o estilo borboleta, Leonardo de Deus, Henrique Barbosa e Nicholas Santos nadaram a prova pelo Flamengo. "Fechamos bem. O revezamento é sempre empolgante e colocamos o Flamengo na frente em todos. A equipe está crescendo e é muito bom saber que ficamos com esse terceiro lugar no geral. Foi incrível porque eu não treino muito borboleta e foi onde o Flamengo disparou", disse o campeão olímpico e mundial.

Antes dessa prova, Cielo já havia conquistado outras quatro medalhas de ouro no Troféu Maria Lenk ao vencer as finais dos 50 metros livre, dos 50 metros borboleta e dos revezamento 4 x 50 metros livre e 4 x 100 metros livre. Já na final dos 100 metros livre ele foi surpreendido e ficou apenas na segunda colocação ao ser superado por Bruno Fratus, do Pinheiros.

Fabíola Molina, do Minas Tênis, venceu os 100 metros costas com 1min00s42. A versão masculina da prova foi vencida por Guilherme Guido, do Pinheiros, com 54s85. Já Daynara de Paula, do Minas Tênis, triunfou nos 50 metros borboleta, com 26s55, e Poliana Okimoto, do Corinthians, triunfou nos 1.500 metros livre, com 16min36s92.

O tunisiano Oussama Mellouli, do Corinthians, venceu a prova dos 800 metros livre, com o tempo de 7min58s15. A prova do revezamento 4 x 100 metros medley feminino foi vencida pelo quarteto do Minas Tênis, formado por Fabíola Molina, Rebecca Soni, Daynara de Paula e Kirsty Coventry, com o tempo de 4min04s59

Clubes. O Minas Tênis faturou o título do Troféu Maria Lenk ao terminar a disputa com 2.775 pontos. O clube de Belo Horizonte foi seguido por Pinheiros (1934 pontos), Flamengo (1697,50 pontos) e Corinthians/São Bernardo (1544 pontos).

Os atletas mais técnicos da competição foram Thiago Pereira, do Corinthians, pelo resultado nos 200 metros medley, e Jessica Hardy, do Flamengo, pelo desempenho nos 50 metros peito. Já Oussama Mellouli, do Corinthians, com 298 pontos, e Kirsty Coventry, do Minas Tênis, com 345, foram os maiores pontuadores.

Veja também:

link Brasil terá 20 nadadores no Mundial de Esportes Aquáticos em Xangai

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.