Cinco times ainda brigam por dois lugares

São Paulo, Lusa, Santos, Santo André e Barueri estão na luta. Palmeiras e Corinthians, certos

, O Estadao de S.Paulo

24 de março de 2009 | 00h00

A quatro rodadas do fim da primeira fase do Campeonato Paulista, cinco equipes brigam pelas duas vagas restantes nas semifinais. Matematicamente, ninguém está garantido. No entanto, o Palmeiras, que pode carimbar a classificação esta noite contra o Bragantino, e o Corinthians estão virtualmente assegurados, pois têm 99% e 97% de chances, respectivamente, segundo o matemático Tristão Garcia. Assim, São Paulo, Portuguesa, Santo André, Santos e Barueri devem se engalfinhar pelas vagas remanescentes.Engalfinhar-se, nesta reta final de fase classificatória, é mais do que força de expressão. Com exceção do São Paulo, terceiro colocado com 30 pontos e 76% de possibilidade de figurar entre os quatro melhores, os outros pretendentes farão vários duelos diretos. Os três próximos jogos do Santos (sexto lugar com 27 pontos, oito vitórias, seis gols de saldo e apenas 19% de chances depois de ter perdido para o Corinthians no domingo) são contra concorrentes. Amanhã, o time da Vila Belmiro recebe o Santo André (quinto, também com 27 pontos e melhor saldo, 12 gols). No sábado, visita o Barueri (25 pontos e azarão na briga, com 12% de chances). E, na terça-feira, dia 31, volta a jogar como mandante, enfrentando a Portuguesa, que no momento fecha o G4 com seus 30 pontos, 7 gols de saldo e 71% de chances de garantir um lugar nas semifinais.A Portuguesa, além do Santos, encara um rival direto, o Santo André, na última rodada. O time do ABC é outro que tem três confrontos contra concorrentes, pois ainda recebe o Barueri no sábado.Para Tristão, o São Paulo não deve ter problemas para assegurar sua classificação. "Pela estrutura do clube e a confiança do time, é difícil que fique fora??, disse. Mas não descartaria a possibilidade de o Tricolor ser superado pela Lusa, o que o deixaria em quarto lugar ao fim da fase. O matemático explica: "A Portuguesa faz três de seus últimos quatro jogos em casa - contra Mirassol, Marília e Santo André. Vai visitar o Santos, mas terá a vantagem de poder empatar.?? Já o Tricolor viaja para pegar o Noroeste e o São Caetano. Enfrenta o Guaratinguetá em casa, e o outro jogo que fará no Morumbi é o clássico contra o Palmeiras, no sábado.O Santos tem contra si a "campanha vacilante??, nas palavras de Tristão. "Mas o fato de enfrentar três concorrentes diretos é uma vantagem, pois a equipe só depende de suas próprias forças. No entanto, vai ter de se superar.??Outro time que também precisará se superar é o Santo André. Com 27 pontos, terá de somar no mínimo mais 10 dos 12 que ainda vai disputar - Tristão calcula que a quarta vaga vai ficar com o time que atingir 37 pontos. "É uma situação difícil, pois o Santo André tem duas partidas fora (justamente contra Santos e Portuguesa) e, delas, terá de ganhar uma e empatar outra??, diz. "Isso se vencer os dois adversários que enfrenta em casa.?? Já o Barueri, a rigor, tem chances meramente matemáticas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.