Coe e Bubka entram para o Hall da Fama da Iaaf

A Associação Internacional das Federações de Atletismo (Iaaf, na sigla em inglês) anunciou nesta segunda-feira que Sebastian Coe e Sergei Bubka são os dois novos membros confirmados no Hall da Fama da entidade, criado este ano e que inicialmente contará com 24 nomes.

AE-AP, Agência Estado

25 de junho de 2012 | 10h57

O britânico Coe, presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Londres, se sagrou bicampeão olímpico dos 1.500 metros ao conquistar o ouro em Moscou, em 1980, e depois em Los Angeles, em 1984. Ele ainda foi medalhista de prata na prova dos 800 metros nestas duas edições da Olimpíada.

Já o ucraniano Bubka fez história no salto com vara ao se tornar o único atleta a ganhar seis vezes o Mundial de Atletismo em uma mesma prova individual, entre 1983 e 1999, e ainda foi medalhista de ouro dos Jogos Olímpicos de Seoul, em 1988. Ele colecionou feitos e se tornou uma lenda ao quebrar 35 vezes o recorde mundial, sendo 17 delas ao ar livre e 18 em competições indoor.

Com a indicação de Coe e Bubka, agora o Hall da Fama da Iaaf conta com 19 membros confirmados, entre eles o brasileiro Adhemar Ferreira da Silva, anunciado em março passado para integrar este seleto grupo do atletismo mundial. Primeiro bicampeão olímpico da história do Brasil, com o ouro nos Jogos de Helsinque, na Finlândia, em 1952, e Melbourne, na Austrália, em 1956, o atleta que fez histórica no salto triplo é o único nome do Brasil a ter essa honraria.

Falecido em 2001, Adhemar terá o seu nome oficialmente eternizado no atletismo em cerimônia que está marcada para acontecer no dia 24 de novembro, em Barcelona. O Hall da Fama da Iaaf foi criado como parte das celebrações do centenário da entidade, que até o evento de gala irá anunciar os últimos cinco nomes que completarão este seleto grupo de indicados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.