COI decide destino das medalhas de Marion

O destino das 5 medalhas que Marion Jones ganhou nos Jogos de Sydney, em 2000, começa a ser definido hoje, em reunião do Conselho Executivo do COI. Entre as decisões, se a grega Ekaterina Thanou, suspensa por 2 anos por ter se envolvido num escândalo de doping em Atenas, será promovida a campeã dos 100 m - o posto pode ficar vago - e se as companheiras de Marion, ouro no revezamento 4 x 400 m e bronze no 4 x 100 m, terão de devolver suas medalhas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.