Arquivo/AE
Arquivo/AE

COI fará reunião em janeiro para discutir casos de gênero

Objetivo é definir o procedimento a ser adotado quando houver dúvidas sobre se atleta é homem ou mulher

O Estado de S. Paulo,

27 de outubro de 2009 | 20h40

O Comitê Olímpico Internacional (COI) organizará em janeiro, na Flórida (Estados Unidos), uma assembleia para discutir como agir em casos de gênero ambíguo, como o da corredora sul-africana Caster Semenya, cuja feminilidade foi contestada.

O diretor da comissão do COI, Arne Ljungqvist, estará no comando da reunião, que deve definir o procedimento médico a ser adotado quando houver dúvidas, em termos biológicos, sobre se um atleta é homem ou mulher.

Tudo o que sabemos sobre:
COICaster Semenya

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.