COI garante vagas ao Brasil no rúgbi nos Jogos Olímpicos de 2016

Equipes masculina e feminina estao confirmada na edição do Rio de Janeiro

Agência Estado

06 de fevereiro de 2014 | 15h48

RIO - Uma das modalidades em o Brasil mais corria risco de não disputar os Jogos do Rio-2016, por ter qualidade técnica inferior aos demais participantes, o rúgbi sevens confirmou nesta quinta-feira dois convites para a seleção brasileira disputar a Olimpíada. Assim, tanto a equipe masculina quanto a feminina estarão no evento.

A maior preocupação era com relação ao time masculino. Neste ano, a equipe foi apenas quarta colocada na seletiva sul-americana que classificava para a seletiva da Liga Mundial em 2014/2015. Ou seja: a equipe está num nível muito abaixo da elite da modalidade.

No feminino a situação é outra e o Brasil até participou do Mundial do ano passado. Nesta temporada, disputa, como convidado, a segunda edição da Liga Mundial para mulheres e, na primeira etapa da competição, jogou de igual para igual contra os melhores times do mundo. Ainda em fevereiro, vai receber a terceira etapa, em Barueri.

Nesta quinta-feira, porém, o Comitê Executivo do COI (Comitê Olímpico Internacional), reunido em Sochi, confirmou que o Brasil tem vaga garantida entre os 12 times olímpicos no Rio/2016 tanto no masculino como no feminino. A única condicional é participar de competições internacionais aprovadas pela federação internacional da modalidade.

O rúgbi sevens vai estrear no programa olímpico no Rio. Nesta versão, os jogos são mais curtos que os do rúgbi tradicional, com sete e não 15 atletas em campo em cada equipe. Assim, os pontos são mais comuns e o jogo mais dinâmico. No Rio, serão 12 times em cada gênero, num total de 288 atletas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.