Com Alex barrado, turcos perdem fora

Na última etapa eliminatória da Copa dos Campeões antes da fase de grupos, o Fenerbahçe foi derrotado pelo Spartak de Moscou por 2 a 1 e terá de vencer a volta por dois gols de diferença. O meia Alex foi barrado pelo técnico Aykut Kocaman.

O Estado de S.Paulo

22 de agosto de 2012 | 03h06

"Não sei por que não joguei. Ele, por razões que eu desconheço, me tirou hoje. Mas para definir em uma palavra: ciúmes", publicou Alex em seu microblog.

Kocaman é o maior artilheiro do Fenerbahçe no Campeonato Turco com 140 gols e teria barrado Alex para impedir que o brasileiro superasse esse recorde - faltam apenas quatro gols. O treinador se defende afirmando que queria uma equipe mais veloz.

Além do Spartak, apenas o Copenhague se deu bem como mandante ao vencer o francês Lille, por 1 a 0. Nas outras partidas, os visitantes Dínamo de Kiev (Ucrânia), Celtic (Escócia) e Cluj (Bélgica) venceram e ficaram perto da classificação.

O resultado mais surpreendente foi a derrota do Borussia Mönchengladbach. Terceiro colocado no Campeonato Alemão, o time germânico perdeu por 3 a 1 para o Dínamo de Kiev em casa, de virada.

O Basel, da Suíça, saiu na frente, mas o Cluj venceu por 2 a 1, com dois tentos do senegalês Sougou. Na Suécia, o Helsinborg foi mais ofensivo, mas acabou derrotado nos contra-ataques pelo Celtic por 2 a 0.

Hoje, cinco partidas completam a rodada com destaque para a Udinese, que visita o Braga em Portugal, e o Málaga, que recebe o Panathinaikos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.