Reprodução/CBG
Reprodução/CBG

Com dobradinhas, Flávia Saraiva e Rebeca Andrade conquistam ouro na Alemanha

Após medalha no sábado, brasileiras voltam a se destacar e conquistam também o segundo lugar na trave e no solo

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2018 | 16h58

As brasileiras brilharam neste domingo na etapa de Cottbus da Copa do Mundo de Aparelhos de ginástica. Nas duas finais femininas do último dia do evento na Alemanha, o País conseguiu dobradinhas, sendo que Flávia Saraiva levou o ouro no solo, seguida por Jade Barbosa, e Rebeca Andrade foi campeã na trave, com Flávia sendo a segunda colocada.

Ouro no salto e prata nas barras assimétricas no sábado, Rebeca voltou a se destacar neste domingo na Alemanha. A brasileira levou o ouro na trave com a nota 13,766, seguida por Flávia, que conseguiu 13,266. E elas foram acompanhadas no pódio pela ucraniana Diana Varinska, com 13,200, para levar o bronze.

Flávia sobrou na disputa do solo e levou o ouro ao conquistar a nota 14,100 dos árbitros. Jade, com 13,550, assegurou a segunda posição. E a polonesa Marta Pihan-Kuleska levou o bronze da etapa de Cottbus.

No naipe masculino, o Brasil foi representado por Arthur Nory. Mas ele ficou apenas na sétima posição, com a nota 13,033, distantes dos ginastas que foram ao pódio. O ouro foi para o holandês Epke Zonderland, com 14,866, seguido pelo croata Tin Srbic, com 14,733, e pelo japonês Hidetaki Miyachi com 14,533.

A Copa do Mundo de aparelhos é uma novidade no calendário da Federação Internacional de Ginástica, sendo que a etapa de Cottbus é a primeira das oito previstas para serem disputadas até 2020.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.